Tempo de qualidade com meu filho

Anúncios

A Morte não é o Fim

Pois eh, a vida eh sempre cheia de acontecimentos, e o que toda a minha família temia aconteceu neste final de semana passado.
Meu Avô, pai da minha mãe, faleceu no domingo, ele já estava velhinho mas sempre foi um homem muito forte,lembrava de todo mundo, conversava, dava conselho e ate pregava! Ele foi um exemplo pra todos nos na família.

Pai de 10 filhos ( e alguns acham que eu tenho bastante, ainda nem ganhei dos meus avos)ele era um verdadeiro Patriarca, conduzindo a família nos caminhos do Senhor. Eu não sei ao certo em que ano ele se converteu, mas muitos dizem que foi antes do nascimento da minha mãe, pois ela sendo filha numero 5 eh a primeira que teve nome bíblico, Marta! minha mãe tem muitas lembranças de sua infância, lembranças que tem passado de gerações, ate meus filhos já sabem muitas historias da infância da minha mãe.

Meu avo, Benedito o seu nome, foi um homem temente a Deus e um exemplo entre os homens, com tantos filhos e netos, boas lembranças tenho eu de quando ele vinha nos visitar, as vezes ele passava o dia inteiro visitando os filhos, trazia presente no dia do aniversario, era um avo muito presente e prestativo.

Quando a minha voh ainda era viva, quase todo final de semana, no domingo, a casa deles era o ponto de encontro da família, alguns já iam na hora do almoço, outros pra tomar um café a tarde, ali era onde a família se unia pra cantar e ouvir as sabias palavras do meu avo, não tinha um domingo que passava sem ouvi-lo pregar! Nos crianças na época, dávamos risada e as vezes ate tentava sair da sala durante o sermão, mas nossos pais com tanto respeito pelo patriarca, fazia a gente sentar ate o fim do sermão de quase 1 hora. Como as crianças de hoje são diferentes neh?, não se tem mais aquele respeito que a gente tinha, a gente ria escondido mas nos amávamos e respeitavamos o nosso querido vo.

Depois do sermão o bando de netos saia no quintal pra brincar, quanta lembrança boa… os pés de manga, abacate e pitanga. A gente brincava muito, descalço, sem preocupações, não tinha computador, jogos,internet, celular… brincava ate cansar.

Existia uma segurança naquela casa, uma estabilidade. Ir visitar os avos fazia parte de uma rotina semanal. A gente chegava e pedia a benção deles e eles nos abençoavam, era um ritual que muitos de nos nem sabia por que fazíamos mas na hora de partir o ritual se repetia: ” Benca vô!” ” Deus te abençoe!” ele respondia.

Ele era um homem de oração, ficamos sabendo que na noite antes dele falecer ele orou por todos os filhos, netos e bisnetos. Ele disse que Jesus precisava voltar logo pois esse mundo esta perdido, disse que talvez naquela mesma noite Ele voltaria! Sim, Jesus veio ao encontro dele.

Eu sou tão orgulhosa do meu vô, ajudou tanta gente durante a sua vida aqui, viveu de uma maneira digna.

A morte dele deixou muitos tristes, mas pra nos que sabemos que a vida não acaba aqui e que la do outro lado tem um lugar separado pra ele, pois um dia ele tomou uma decisão de deixar sua vida de lado pra seguir um Deus vivo que veio a este mundo se doar e morrer pra salva-lo,ele nunca olhou pra trás, seguiu ate o fim. Pra nos, acreditamos que ele esta num lugar bem melhor, onde não há tristeza nem dor e um dia o encontraremos de novo.

Eu espero que o restante da minha vida aqui, eu influencie tantas pessoas ao meu redor assim como meu Avô fez. Ele foi um exemplo de Fe e sabedoria e quero sempre lembrar e copia-lo!

“A morte não é o Fim e sim o começo de uma vida eterna que todos que acreditam e seguem a Jesus poderao desfrutar quando o nosso tempo aqui neste mundo chegar ao fim.”

Este eh o meu vo, nao sei quando esta foto foi tirada, mas acho que nao faz muito tempo.

Este eh o meu vo, nao sei quando esta foto foi tirada, mas acho que nao faz muito tempo.

Alguns da minha familia na despidada dos meus pais antes deles virem pra Irlanda ha 4 meses atras.

Alguns da minha familia na despidada dos meus pais antes deles virem pra Irlanda ha 4 meses atras.

Roupas femininas

O meu segundo parto

Com só 9 semanas pro bebe chegar, confesso que estou bem atarefada tentando colocar as coisas em dia e com isso ando bem mal humorada, e vocês sabem né, quando a mãe eh mal humorada a casa inteira fica de cara feia.

Geralmente no final das minhas gravidezes eu gosto de assistir vídeos ou ler historias de parto, na realidade eu sempre gostei ate mesmo antes de casar, historias de parto sempre me fascinaram,pensar em tudo que uma mulher passa, não eh fácil. Eu sei que tem muitas mulheres que não passam por essa fase de dor, marca um dia, tira o bebe e pronto, eu não tenho nada contra isso, ate assim ainda acho emocionante, mas não existe nada como um parto natural. Hoje decidi escrever sobre o parto da minha segunda filha pois foi meu primeiro parto “normal”, ou quase normal,foi bem dramático.

Quando a Amy nasceu os médicos me disseram que pelo fato do  parto ter sido cesariana não me impediria que eu tivesse um parto normal nos próximos filhos, mas me disseram que o risco eh maior principalmente se eu engravidasse logo. Como eu tinha ficado muito frustrada por ter  tido uma cesárea, coloquei na minha cabeça que na próxima gravidez tentaria um parto natural a qualquer custo.

Todas as minhas gravidezes foi atendida pelo sistema publico da Irlanda, que na área de maternidade eh conhecida como um dos melhores do mundo. No hospital sempre fui muito bem tratada . Engravidei exatamente quando a Amy completou 1 ano.

Ficamos muito felizes, Deus tinha escolhido nos abençoar de novo!!

Ja na primeira visita os médicos e parteiras (midwives) já me me disseram que se a gravidez fosse saudável não haveria razão alguma  pra se fazer outra cesariana. orei a gravidez inteira pra que tudo desse certo, e comparada com outras, essa gravidez foi muito boa, e mais uma vez não conseguimos descobrir o sexo do bebe, meus bebes são muito tímidos 😉

Nos tínhamos certeza de que seria um menino, pois a gravidez foi tão mais fácil e diferente da primeira, então quando eu estava com 37 semanas fui fazer uma visita rotineira no hospital, e quando cheguei la minha pressão estava alta e na urina encontram proteína. Ate ai eu nem sabia o que era pre-eclampsia, eu já tinha lido um pouco em livro de gravidez, mas nunca havia me detalhado nisso.  Com o bebe estava tudo bem, mas decidiram fazer um ultrassom , e foi ai que eu descobri que nos teríamos outra menininha.:-) Quando fui passar pelos médicos me disseram que eu ficaria de observação enquanto fazia um teste de urina por 24 horas pra ver se era mesmo pre-eclampsia.

Avisei o Dave que teríamos outra menina, pois ele estava tão confiante que seria um menino. No hospital comecei a coleta de urina e aproveitei pra descansar, como era uma sexta feira eu teria que ficar internada ate na terça- feira pois o hospital não recebia resultado de exame antes de segunda e como minha pressão estava alta todos concordaram que eu deveria descansar em observação.

Era agosto, época de verão, meu bebe estava pra nascer no dia 15 de setembro, tinha muito tempo ainda… todos as maternidades de Dublin estavam cheias, o meu hospital – Rotunda– bem na área norte do Centro de Dublin, estava lotadíssimo, tinha mulher sendo hospedada nos hotéis de perto por que não tinha mais cama disponível no hospital, eu ate me prontifiquei a ficar no hotel mas paciente com pressão alta era prioridade, então tive que ficar no hospital e dividir o quarto com outras 6-8 mulheres…haha. Mesmo assim foi uma experiência muito gostosa, um monte de mulher esperando a sua hora, falando sobre suas dores, suas gravidezes, seus medos… ficávamos acordadas ate tarde conversando. Passei um final de semana agradável, o Dave trouxe a Amy pra me visitar quase todos os dias na hora de visita.

Na segunda feira, enviaram a urina e me disseram que se tudo tivesse normal eu poderia ira pra casa na terça-feira já pela manha. A noite depois que o Dave já tinha ido embora, nos grávidas ficamos papiando por um bom tempo, assistindo a tv do quarto ou falando sobre bebe, etc…quando ja eram 00hrs eu não conseguia dormir, fui ao banheiro e no caminho senti uma “explosão”, de repente eu estava toda molhada, minha bolsa tinha estourado!!!

Eu parecia uma tonta fui e acordei a midwife (parteira) de plantão , eu falava bem rápido: A minha bolsa estourou, A minha bolsa estourou!!!  eu ate acordei algumas das mulheres do meu quarto que eu já tinha ficado meio intima pra falar contar que minha bolsa tinha estourado. Que emocionante, eu sempre tinha sonhado com a bolsa estourando, não necessariamente internada no hospital, mas como em filmes, a bolsa estoura o marido e mulher  pegam a mala e desesperados voam pro hospital, e depois de alguns minutos o bebe nasce, hun, eu deveria saber que isso eh um pouco fora da realidade. 😦

A parteira de plantão riu muito de mim, ela disse que nunca tinha visto ninguém ficar tão contente por que a bolsa estourou.  Pra mim era como se fosse já garantido que eu teria um parto normal, por isso eu estava tão contente.  As parteiras me mandaram  deitar e descansar pois eu precisaria de toda a energia possível pras próximas horas…

As próximas horas viraram dias, 3 pra ser exata, a minha bolsa não tinha estourado por completo, então como eu estava delatando bem devagarinho o meu caso não era emergência, pois a minha pressão estava normal, Dave ficava comigo durante o dia inteiro fazendo massagem na minhas costas, me levando para andar no corredor do hospital, mas o hospital estava tão cheio, era mulher chegando em trabalho de parto a cada minuto, teve ate um bebe que nasceu no meu quarto naquela noite. Confesso que nessas horas você começa a considerar cesariana. :-),

Escutar os gritos das mulheres com dor eh uma sensação estranha, mas dai, de repente o grito para, e você escuta um chorinho, primeiro do bebe, dai da mãe, ai você escuta muita risada, da pra sentir a alegria. Eu bem quietinha com a minha dor de 2 centímetros de dilatação, segundo dia depois que a bolsa estourou, orando pra eu tivesse a mesma experiência que a mulher da cama ao lado.

A noite a minha dor duplicava, então eu ficava na bola, sabe aquela bola de ginástica? pois eh a única coisa que melhorava a dor era a bola, ficava pulando sentada na bola acordada a noite toda. durante o dia a dor aliviava eu dormia ate a o Dave vir ficar comigo. No terceiro dia eu, como uma boa brasileira, tinha que reclamar né??? Fiz o meu tímido marido que prefere fugir do que arrumar encrenca, que sai de perto quando eu começo dar a minha opinião pois ele sabe que as vezes eu sou um pouco ” grossa  (sincera demais), naquela época ele era 10 vezes mais tímido do que eh hoje, ele aprendeu bastante comigo:) e olha que comparado com algumas amigas eu sou ate mansa, hahaha!!!! bom eu fiz ele ir falar com o medico, como pode me deixarem sofrer tanto? O medico explicou que eles estavam me monitorando, e isso era verdade e que como a minha bolsa estava rompendo devagar, e o bebe ainda tinha bastante água la pra ficar bem, eles não queriam apressar as coisas, principalmente por que eu tinha mostrado o interesse em ter um parto normal. Hoje eu agradeço por isso, mas naquele dia eu fiquei muito irritada, chorei muito, estava cansada e com dor.

A tarde quando a minha dor estava insuportável a midwife fez o exame de toque e eu estava com 3 centímetros de dilatação, 1 centímetro por dia??? que coisa eh essa??? eh muita dor pra tão poucos centímetros. Ela estava com um rosto cheio de sorrisos, ela disse que as salas de parto estavam mais calmas e que eles tinham uma esperando por mim, vocês podem imaginar como eu me senti neh???  Felissisima !!!!

Quando cheguei la, eles terminaram de romper a bolsa, e eu já estava tão cansada que não imaginava como faria sem anestesia, então pedi a epidural. Hoje eu sei os riscos, mas na época eu ainda tinha uma mentalidade muito ” sem dor eh melhor”, falo de dor eu falava: Anestesia!!! Lembremos: Eu tive 5 partos normais ate aqui e todos foram diferentes, e soh os últimos 2 nao usei nenhuma anestesia. to chegando la!!!

Quando o parteiro, sim, você leu direito, era um parteiro! nunca tinha ouvido falar de homem parteiro. Um irlandês muito gente boa, e a primeira pergunta que ele me fez foi: Voce quer ter um parto normal ou cesariana? Eu respondi normal, mas já com um pouco de duvida por casa dos últimos dias, ele com um olhar super encorajador disse: No que eu puder fazer pra te ajudar você vai ter um porto normal!

Ele percebeu que eu estava muito cansada, e lendo toda a historia do primeiro parto, ele concordou que eu precisava descansar e que epidural me ajudaria a faze-lo,  a epidural que me deram era uma que tirava a dor mas não a pressão, e olha que pressão mesmo, a impressão que dava era que eu precisava muito ir ao banheiro, e não dava pra esperar. Eu nunca tinha sentindo algo assim antes, eu estava super envergonhada, falava pro Dave: Eu não vou conseguir segurar vou acabar fazendo coco aqui na frente de todo mundo.  O parteiro riu e disse: isso ai não eh coco, eh o bebe tentando descer, e mesmo se fosse coco nao seria a primeira vez que eu presenciaria uma cena dessas.

Bom como vocês devem saber, epidural tira muito da emoção do parto, nem tanto quando a cesariana, mas tira, pois você não sente dor. mas no meu caso, já tinha passado tantas horas que o efeito da anestesia já tinha acabado, eu estava com 10 centimetros de dilatação, pronta pra empurrar o bebe pra fora, uma dor IMENSA, e sem anestesia. Nesta hora eu já estava chorando. Sempre que eu falava: Eu não vou conseguir! O dave que esteve ao meu lado durante todo o processo, segura forte a minha mão e me encorajava- Consegue sim, Dani!!!  Voce eh forte! Ate o parteiro que já tinha ate passado do horário de trabalho dele, resolveu ficar ate a nossa bebe nascer.

Depois de tanto empurrar e nada acontecer. Resolveram chamar o medico, quando o doutor chegou e me examinou não gostou do fato de eu estava tentando um parto normal,pois a cabeça da bebe estava virada pro lado errado e correria risco de infecção não hora de passar pelo canal, mas graças a Deus, o parteiro bateu o pé, ele disse bem firme e calmo: Eu falei e continuo com a minha opinião, esse bebe tem todas as condições de nascer com um parto normal e esse eh o desejo dos pais, então eu vou ate o fim! a impressão que tive eh que esse parteiro tinha uma boa reputação ate com os médicos, pois ali mesmo o medico disse: Ok se você acha assim, vamos la!

Eles diziam: Push, Push!! (empurra empurra) e eu : Eu não consigo mais!! olha eu nunca tinha feito tanta forca na minha vida, foi a pior constipação que já tive..hahaha

De repente você ouve: Eu vejo a cabeça!!! Ai que emoção, como assim você vê a cabeça? Dave você era pra ficar do meu lado e não ficar olhando la embaixo.:)

O medico que já tinha notado que a cabeça da bebe estava pro lado errado, decidiu usar a ventosa (vácuo extractor), confesso que não foi uma experiência muito agradável, pois nesta hora já tinha passado minha anestesia, eu senti cada metal desse “aspirador” eh assim que eu chamo essa coisa.:)

Foi com certeza uma experiência super dramatiza mas muito emocionante, assim que a tiraram de dentro de mim a colocaram no meu peito, toda sujinha, pretinha, brasileirinha linda, amamentou na hora, o Dave não sabia se chorava ou ria, foi a primeira vez que vi o Dave tão emocionado assim, ele mesmo fala que não tem como comparar a emoção de ver o bebe saindo, ele mesmo cortou o cordão umbilical.

Depois que a placenta saiu e a adrenalina passou, o medico e parteiro saíram da sala,eu e o Dave sozinhos admirando o nosso bebe, me trouxeram chá e pão com manteiga (toast and tea). Eu ainda lembro com saudade daquela sensação de sucesso, nem eu acreditava que tudo tinha acontecido, de repente parecia que a dor não tinha sido tão intensa, que meus berros não tinham sido tão altos. Foi tudo muito magico.

Ela nasceu com 3.8kgs, cheia de cabelo. No dia 31 de agosto e a chamamos de Naomi Cori.

Enquanto eu admirava a minha moreninha linda  eu virei pro Dave e disse:  ” Agora eu sinto que já posso morrer!  Me sinto como a mulher maravilha, forte e poderosa!!!

Ela hoje tem 7 anos, eh a nossa única moreninha e bem brasileira, ate em personalidade!

Depois deste, tive partos mais rápidos e mais agradáveis e nem tão dramáticos. Vou tentar postar aqui todos antes deste bebe nascer. Sera que consigo? demorei meses pra terminar este.haha

Acho que esta foto foi pela manha, ela nasceu de madrugada.

Acho que esta foto foi pela manha, ela nasceu de madrugada.

olha a cara do Dave de cansado e feliz!

olha a cara do Dave de cansado e feliz!

Quando a Amy a viu pela primeira vez! Foi amor a primeira vista tambem.

Quando a Amy a viu pela primeira vez! Foi amor a primeira vista tambem.

Momento maravilhoso quando o mais dificil ja passou, onde voce aproveita o seu bebe, e nao consegue acreditar que uma preciosidade tao linda saiu de dentro de voce. Como Deus eh Grande!!!!

Se voce quer ler um pouco mais sobre a Naomi voce pode clicar Aqui

Se você ainda não leu o meu primeiro parto, um cesareana de emergencia. Voce consegue ler Aqui

Ontem eu chorei…

Sabe aqueles dias que parece que você acordou com o pé esquerdo? Pois eh, quando estou gravida eu tenho muitos desses dias, e ontem foi um deles.Na noite anterior já fui dormir um pouco angustiada com algumas noticias que li online, passei horas acordada na minha cama pensando no futuro dos meus filhos, não no futuro acadêmico, mas no mundo que eles terão quando eles forem adultos, lendo e vendo o noticiário do mundo todo, da uma dor no coração, parece que só tem coisa ruim e gente ruim. Eu clamei a Deus: Senhor, Protege meus filhos! e com essa oração fui dormir um pouco mais aliviada.

Por causa da noite mal dormida, vocês já podem imaginar o que aconteceu né?!!! Quem acordou com cara de bicho do mato???? euzinha mesmo… A “super” mãe com dizem alguns. Gente, eu estava chata demais, parecia que um pedra tinha caído na minha cabeça durante a noite e feito com que tudo que eu estava pensando na noite anterior sumisse da minha mente. Ja acordei reclamando, imagina eu que sempre digo para os meus filhos que eh muito feio reclamar e que temos que ser gratos por tudo.:-(.Lembrei que uma família de amigo nossos viriam nos visitar depois do almoço e já eram mais de 11 da manha e nos ainda não tínhamos nem terminado escola e eu nem tinha ainda pensado no que fazer pro almoço. Mais o dia passava, pior eu me sentia, tudo que eu começava a fazer não conseguia terminar pois minha pequena Rachel não esta muito bem de saúde, e também a minha filha Sarah de 3 anos gosta de aprontar e parece que ontem ela decidiu fazer a festa pra ver o quanto a mamãe aguentaria.
A cada um desses momentos que tive eu chorava e clamava: Senhor, eu preciso do Senhor!!!, me senti uma mãe horrível, sem paciência. Queria poder voltar o tempo, levantar da cama de novo mas dessa vez com uma atitude diferente.

Pra encurtar a historia, acabamos almoçando super tarde e nossos amigos chegaram antes mesmo de tirarmos a comida da mesa.
Depois de uma boa conversa com nossos amigos, risadas. Ver as crianças se divertindo brincando la fora pegando amora dos pés, brincando de piquenique com os filhos dos nossos amigos fez com que eu me sentisse melhor.
A noite na hora do meu “analise” (hora antes de dormir que passo pensando em tudo que ocorreu durante o dia e o que eu pude aprender com tudo isso) Eu chorei…
Pedi perdão a Deus e ao mesmo tempo o agradeci por me revelar algo incrível, a noite anterior eu estava tao preocupada com o futuro dos meus filhos, mas no dia seguinte não me dei conta do presente, eu estava fazendo o “agora” deles ser tao frustado. Como dizemos ” O futuro a Deus pertence”! Deixemos Ele tomar conta do futuro, mas com o presente podemos fazer momentos maravilhosos que eles nunca esquecerão e que com certeza marcarão o futuro que esta por vir.
Depois de uma boa chorada, que venhamos e convenhamos faz muito bem de vez em quando, dormi tranquila!! e hoje o dia foi bem mais agradável tanto pra mim quanto pra eles.

Da janela da minha cozinha,achei essa foto bem apropriada pra esse post, pois a minha alma estava abalada. Agora estou bem!!

Da janela da minha cozinha,achei essa foto bem apropriada pra esse post, pois a minha alma estava abalada. Agora estou bem!!

Uma noite sem dormir.

Fiquei sem postar por alguns dias, pois época de aniversario em casa eh bem agitado e nao da tempo de sentar pra escrever.

Eu não sei como você eh, mas eu paro quando recebo visita, não sei por que mas quando tenho gente em casa gosto de conversar e acho chato ficar limpando e arrumando as coisas. O problema disso eh quando tenho visita durante a semana, pois quer dizer que não temos escola também, não gosto muito de dar aulas com o povo assistindo, as crianças aproveitam e eu fico sem graça.

Nos temos um amigo brasileiro que passou um ano aqui na Irlanda e esta indo de volta pro Brasil, então este final de semana ele veio se despedir de nos, foi legal pois ele esteve aqui pra festinha da Naomi.

Então como ele chagaria na sexta feira de amanha, eu ja acordei e comecei a dar uma geral na cozinha,não tivemos escola… a tarde eu tive uma consulta de rotina pra checar o bebe, e tudo esta ótimo, gracas a Deus!! Quando chegou a noitinha eu ja estava muito cansada, não tinha parado o dia todo, ai a Naomi, nossa filha aniversariante, não conseguia dormir.

Geralmente nossos filhos vão pra cama as 20hrs mas só dormem as 21hrs, elas ficam conversando no escuro. 🙂 Mas na sexta feira, todos dormiram, menos a NAomi, ela veio as 23:00 hrs e disse que estava muito empolgada por que o no dia seguinte seria seu aniversario e que estava ansiosa. 02:oohs, ela vem pra minha cama : Mãe, não consigo dormir, falta muito pra amanha? Calmamente eu a pedi que voltasse pra cama e tentasse dormir. 04:00 hrs : Mãe, posso ficar aqui na sua cama?
05:00hrs (ja na minha cama): Mãe, quando você vai se levantar pra fazer meu cafe da manha?…

Nisso ela acorda a Rachel (nossa filha mais nova), a Rachel quase toda noite acaba com a gente na cama, geralmente as 4 ou 5 horas da manha ela acorda, e se eu coloca-la na minha cama ela volta a dormir ate as 7, mas desta vez como a Naomi já estava na minha cama, e meu marido… hummm como posso dizer?: ele dorme como uma pedra!!!! não ouviu nada… a Naomi que provavelmente nesta hora já tinha passado da faze de cansada, estava a mil por hora, e começou a conversar coma Rachel, que amou o fato de não ser a unica ali que queria estar acordada.

Vou confessar, eu ate que sou paciente durante a noite quando meus filhos acordam com dor, se eles tiveram pesadelo ou mesmo pra um copo de água, mas neste caso era puramente por que a minha senhorita estava muito ansiosa e fez questão de dividira sua ansiedade com a Mamãe. .. na hora que percebi que a Rachel não voltaria a dormir e que a naomi ja tinha decidido que o dia dela não teria fim ou começo, eu me irritei muito, e mais uma confissão: Eu, quando estou cansada e sem dormir sou muiiiiiiiiiiiiito CHATA!!!!

Nao vou dar detalhes da minha chatice mas o meu dia foi muito difícil, tradição aqui em casa, eh no dia do aniversario eu dou cafe da manha na cama pra criança e depois do cafe o Dave leva pra passear enquanto eu faco o bolo. O cafe da manha ate que não foi tao mal, eram 7:30hrs mas depois do cafe, aquele sono e dor no corpo começou a me pegar, eu tive que voltar a dormir, e só comecei a fazer o bolo depois das 11:00hrs.

A Naomi amou a dia dela, a festinha em família com nosso amigos Brasileiros, uma vizinha e as filhas dela. Fico feliz por ela e ate consigo entender a sua ansiedade, eu pedi desculpa pra ela depois, pois eu estava tao irritada durante o dia que acabei não aproveitando tanto quanto eu queria ter aproveitado, mas assim eh a vida de mãe neh?

Eh incrível como uma noite mal dormida faz tanto estrago na vida de uma mulher gravida. Então gravidas que leem esse blog Mães em geral: Durmam amigas!!! Dormir faz de nos, pessoas melhores e mais saudáveis.

Aqui vão algumas fotos do dia da Naomi.

Eu estou trabalhando num vídeo pra ela, posto quando estiver pronto.

Amanha voltamos as aulas e vida normal. Tenho que dormir, pois muita paciência eh necessário!!!

Geralmente o cafe da manha do aniversariante eh escolhido por eles. Ela escolheu, 2 ovos fritos, pão  e chocolate quente. Aqui ela lendo o cartão que a mamãe e papai deu pra ela.

Geralmente o cafe da manha do aniversariante eh escolhido por eles. Ela escolheu, 2 ovos fritos, pão e chocolate quente. Aqui ela lendo o cartão que a mamãe e papai deu pra ela.

Amy sua irma mais velha e melhora amiga.

Amy sua irma mais velha e melhora amiga.

Judah também super feliz pela irma.

Judah também super feliz pela irma.

A tade na hora do bolo

A tade na hora do bolo

Ja no final do dia, quando a mamae estava com mais pique e percebi que o dia inteiro nao tinha tirado nenhuma foto com ela, decidi tirar ali rapidinho. Ela ainda com uma energia de tem tinha dormido a noite inteira e descansado a tarde... e eu nem preciso falar neh?!

Ja no final do dia, quando a mamae estava com mais pique e percebi que o dia inteiro nao tinha tirado nenhuma foto com ela, decidi tirar ali rapidinho. Ela ainda com uma energia de tem tinha dormido a noite inteira e descansado a tarde… e eu nem preciso falar neh?!

Feliz Aniversario!

Feliz Aniversario!

Eu sou grata a DEus pela vida da minha filha. 7 anos de muita alegria.

Nao quero ficar a reclamar pois a Naomi eh uma benção na nossa família, e como o meu marido sempre fala, ela eh a nossa:
“Little Brazilian Flower!!!” “Florzinha brasielira”

Liberdade

Liberdade eh uma coisa muito importante que muitas vezes esquecemos ate de notar que a temos.

Nos últimos meses o Dave e eu temos falado muito sobre isso, e por isso a liberdade esta na minha mente.

Ontem eu estava pesquisando quais são os países no mundo todo que o “homeschooling” eh autorizado, e pra ser sincera a lista eh bem curta. Eh triste de pensar que na maioria dos países os pais não tem a opção de escolher educar seus filhos em casa. O Brasil eh um deles, e isso me deixa triste pois amaria ter a escolha de morar no Brasil talvez quando meus filhos tivessem maior, mas com este tipo de lei ficaria impossível pra nos vivermos la.(ai)

Hoje em dia também tem muitas famílias sendo destruídas, pais sendo presos por que decidiram educar seus filhos em casa. Na realidade a liberdade não existe em todo lugar.

Aqui na Irlanda a lei ainda eh a favor dos pais, desde que você prove que esta ensinando seus filhos o básico, eles te dão o direito de educa-los em casa. Isso eh uma benção, que nos esperamos que continue assim!

Pensando em tudo isso essa ultima semana, hoje decidi que quero ser grata por esta liberdade :

1- Liberdade pra estar com meus filhos 24 horas por dia. Liberdade de ser a maior influencia na vida deles, Liberdade de escolher quem serão seus amigos, Liberdade de estar presente (quase sempre) no primeiro sorriso, primeiro passo, primeira palavra, primeira leitura, primeira palavra escrita. Eu agradeço a Deus por me colocar num pais onde essa liberdade eh dada aos seus cidadãos.

Escola em Casa  Liberdade!!!

Escola em Casa
Liberdade!!!

Nosso calendario!1

Nosso calendario!1

outro dia eu escrevo mais sobre a nossa escola. Essa eh a parede da nossa escola.

outro dia eu escrevo mais sobre a nossa escola.
Essa eh a parede da nossa escola.

2- A Liberdade de se ter o numero de filhos que lhe eh conveniente. Eu sei que isso vocês podem notar na nossa família, mas aqui na Irlanda eh totalmente livre (ate agora) pra se ter o numero de filhos que se desejar. Diferente da China onde você eh limitado a 1 ou 2 no máximo, aqui na Irlanda você pode encontrar muitas famílias como a nossa e muitas vezes ate maior. J

044

DSCN0211

3- A Liberdade de Religião, num mundo onde muitos países estão perseguindo cristãos, onde ler a bíblia pode tirar a sua vida, a Irlanda eh bem tolerante a qualquer religião, desde que exista paz. E isso nos temos, podemos instruir nossos filhos nos caminhos de Deus, e isso nao eh um problema. Espero que continue assim.

Por isso quero desde ja agradecer a Deus pela Irlanda e pela Liberdade que aqui ha. Por poder fazer parte da vida dos meus filhos em tempo integral, por poder te-los sem restrição e por poder instrui-los no caminho de Deus.

A Irlanda eh um pais que apesar do clima (chove muito e faz muito frio)aprendi amar e respeitar. Quero sempre lembrar disso!!!

Nem preciso escrever nada sobre esta foto neh.  Desde que eu li esta frase nunca mais me esqueci.

Nem preciso escrever nada sobre esta foto neh.
Desde que eu li esta frase nunca mais me esqueci.

Quanta benção!!!
Ate amanha!!!